MARIA ISABEL LASSUTA MONTEVERDE

MARIA ISABEL LASSUTA MONTEVERDE
Que o SENHOR te proteja, meu Anjo
Quem acha sem procurar é quem longamente buscou sem encontrar* BACHELARD, Gaston

Despreza as estradas largas, segue os carreiros* PITÁGORAS

Não se envelhece enquanto buscamos*ROSTAND, Jean


TODO O MATERIAL DESTE BLOG É DE AUTORIA DE ANTÓNIO PAIS E ISABEL MONTEVERDE.

SEJA BENVINDA(O).

O SEMEADOR DE PÓ

O SEMEADOR DE PÓ

NOTRE CHANSON

with my rain beating inside my heart, beating for glorious days to come!

from mine's to your heart_ISabeL
Claro que gosto do gosto que a Isabel coloca em tudo...e do gosto dos seus lábios eu gosto também.

António Pais

Claro que gosto do seu jeito de dizer...

Isabel

VAGEM

Vagem: viagem de amor,
Vagão da paixão,
Vagabundo do deleite,
Vaginal terminal de explosão.


Abro-te e descubro-te em ervilhas frescas e verdes, sementes dos prados em flor.

António Pais

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Pó d'Arroz, Tocador de Cítara




Não digam que os deuses me quiseram. Nem a distância, por ser mulher, me afastou de ser, entre tantas, a que nenhum amou.



Vem buscar-me sem receio. _Vem, numa onda de metáfora.


O mar lembra o seio azul de donzela antiga, sendo o amor um rio em mergulho de abismo num anseio diáfano.



















\AP/ "se tu soubesses como, de repente,\IM/ a dúvida se esboroou na lentidão de um harpejo tocado pela sua mão!" Meu pastor de algas tresmalhadas... Pescador nos arrozais, semeador de temporais, tocador de flauta e cítara inventadas(como quem cega nas horas vendadas, sendo a morte uma sugestão de pedra seca)!






"Encurvado, sob as copas frondosas e em cúpulas de folhas ainda viçosas, deu-lhe o vento beijos de mel e praline, enquanto a onda de espasmo a ela segreda e se inclina como o faz à manhã, a neblina."

-Será que, a esta falta de cegueira, a pedra num coração amará?


O Semeador de Pó, entidade nocturna do séc. XVIII

*

4 comentários:

  1. Podem oferecer-te comentários
    Abrirem-te as imagens em sacrários
    E os teus poemas diáfonos adorar!

    Mas só quem te conhece pessoalmente
    Pode constatar que és verdadeiramente
    Uma linda mulher com alma de encantar!

    Obrigado, Isabelinha

    António

    ResponderEliminar
  2. Desculpem a intromissão, mas sou uma sentimental incurável.
    Um abraço amigo, aos dois.

    ResponderEliminar
  3. Para não ser sempre no "ARTISTA MALDITO", escrevo aqui umas coisitas:
    - "POUDRE D'OR" é lindíssimo;
    - Martinho Ofreduccio é o máximo;
    - Ralph Ellison é um encantador contador de estórias encantadas. :)*

    Isabel, muitos beijinhos com amizade.
    Fátima.

    ResponderEliminar
  4. ciao Isabel,
    per la mia vera sorpresa ho trovato anche questa cassa di tesori. Mi sento in una chiesa medievale incantevole.
    Bacini.
    Kati

    ResponderEliminar